Radioterapia do Hospital Unimed Bauru inaugura árvore de Natal com homenagens aos pacientes

0
203

O setor de Radioterapia do Hospital Unimed Bauru encerrou o mês de novembro com alegria e comemoração. Nesta segunda-feira, dia 30, foi inaugurada a árvore de Natal da área e também celebrada de forma especial a alta de duas pacientes: Sarah Faria Polido e Maria José Ursolini.

Como já é costume, sempre que um paciente finaliza o tratamento, ele é convidado a tocar o Sino da Vitória, um ritual de passagem para marcar o término do processo. Ele geralmente é acompanhado de algum familiar ou amigo, para comemorar esse momento.

Desta vez, os amigos de Maria José quiseram homenageá-la com um pocket show na recepção da Radioterapia. Sax e voz se uniram para levar a ela, aos familiares, amigos, colaboradores e equipe médica músicas de gratidão e exaltação à vida.

Tanto ela quanto Sarah agradeceram a equipe da Unimed Bauru por todo cuidado, atenção e dedicação ao longo dos 30 dias que estiveram no local para fazer o tratamento. “O pessoal aqui nos recebe com tanto carinho, sabe o nome da gente, das pessoas que nos trazem. A gente chega tensa e sai aliviada pela maneira como é tratada”, salientou Maria José.

Ela fez um discurso emocionado, dizendo da transformação pela qual passou durante o tratamento. “A Zezé que hoje toca as badaladas desse sino não é mais a mesma. Tal qual uma borboleta, bato as asas de minha metamorfose, da mudança do meu corpo e de minha alma”, frisou.

Em seguida, o que acrescentou mais emoção a todos foi a chegada do Papai Noel, representado por um amigo da paciente, que trouxe a emoção do Natal e presentes para todos.

Pela primeira vez, o setor montou sua própria árvore de Natal, colocando, entre os enfeites, bolinhas de acrílico com a foto de todos os pacientes. Para marcar esse momento, a médica rádio-oncologista da Unimed Bauru, Tatiana Taba Fusizaki Nakandakare, preparou uma surpresa para um paciente deficiente visual.

“O senhor João Carlos Penteado percebeu que estávamos preparando algo diferente aqui na Radioterapia e sempre me perguntava o que era. Então, queremos agora presenteá-lo com a bolinha de Natal com a sua foto. Mesmo ele não podendo ver, queremos que ele sinta que faz parte desse momento colocando sua foto na árvore”, disse, levando-o até a decoração natalina, para que ele tocasse os galhos e deixasse também sua marca lá.

Em seguida, ela leu um texto escrito pela equipe para homenagear todos os pacientes. “Assim como não vemos o amor e o sentimos; assim como não víamos o Papai Noel e acreditávamos que ele existia; assim como não vemos a radiação desse tratamento, mas ela nos traz resultados; assim como não pudemos ver tantas coisas neste ano diferente, mas sentimos um misto de emoções… chegamos ao final de um ano e agora iniciamos uma contagem regressiva para o Natal. Tudo isso nos traz muitos momentos de reflexão e esperança”, destacou. “Cada sorriso dentro dessas bolinhas representa a magia do Natal e do amor. Depois que o tratamento terminar, vocês continuarão guardados, com certeza, em nossos corações”, concluiu a médica.

Rose Araujo – Assessora de Imprensa

Deixe uma resposta