Editor de arte da Maurício de Sousa Produções, Mauro Souza, vem hoje a Bauru

0
1545
Mauro Souza: da arquitetura para os gibis e a animação

A trajetória de Mauro Sousa (ops, Souza), 40 anos, que estará nesta terça-feira (23) na FIB para dois eventos, é marcada por uma coincidência que o destino decidiu traçar. Há 19 anos, quando passou a integrar o quadro da Maurício de Souza Produções, o ilustrador soube que o filho do próprio Maurício também é Mauro Sousa (com “s”).

“Foi engraçado e gerou uma certa confusão no começo”, relembra. “Como ele é diretor da parte de teatro da empresa e, eu, agora editor de arte, as funções bem distintas logo ajudaram a diferenciar as coisas”.

Então, não: Mauro não tem grau de parentesco com Maurício – uma pergunta frequentemente feita a ele, inclusive pelo JC. Mas Maurício pode ser considerado uma espécie de “pai artístico” de Mauro.

Arquiteto formado em Belém (PA), ele aterrissou em São Paulo disposto a fazer mestrado de… arquitetura. “Ocorre que eu já desenhava desde criança. Levei alguns trabalhos ao Maurício e acabei ficando”.

Mauro começou produzindo a chamada cenografia dos desenhos animados da casa para a Globo. Hoje, está também ligado às capas dos gibis (todas passam por suas mãos) e aos (muitos) livros que a empresa produz.

Boa parte do que ajuda a artisticamente comandar na Maurício de Sousa será compartilhada nesta terça-feira dentro do (Encontro dos Cursos de Design, Produção Audiovisual e Publicidade e Propaganda) da FIB (Faculdades Integradas de Bauru). Nessa segunda-feira (22), o evento contou com a presença de André Fonseca (especializado em design automotivo).

Assim como André, Mauro fará um workshop e um bate-papo em sua primeira passagem por Bauru – e vem aí mais uma coincidência: foi aqui que nasceu Mônica, a filha “real” de Maurício. “Ele comentou mesmo isso comigo uma vez”, emenda Mauro.

Maurício morou em Bauru por dois anos na década de 1960. “Guardo as melhores recordações de Bauru e ainda levei, de presente maior, minha filha Mônica”, disse ao JC em 2009.

Em 2013 foi a vez de Mônica Sousa falar. “Às vezes, passo no Ponto Chic, em São Paulo, e peço o lanche bauru pra lembrar da cidade”. O JC publica as tirinhas da Turma da Mônica desde o começo. E, pensando bem, há outra coincidência: Bauru também é o “berço” da Turma de Pelezinho, mas isso já é outra (divertida) história.

Serviço

Workshop e bate-papo com Mauro Souza (ilustrador e editor de arte da Maurício de Sousa Produções). Evento do TEIA (Encontro dos Cursos de Design, Produção Audiovisual e Publicidade e Propaganda) na FIB. 15h30, bloco E, sala 3: workshop “Da ilustração à edição de arte”. Às 19h30, no Quiosque da FIB, encontro aberto. Para o workshop a inscrição prévia e necessária custa R$ 45. Inscrições devem ser feitas na Sala dos Professores (Bloco A). Vagas limitadas. Rua José Santiago, quadra 15, Jd. Ferraz.. (14) 2109 6206 ou pelo e-mail design@fibbauru.br

O ‘perferido’ dele

Arquiteto por formação, Mauro Souza foi “abduzido” de vez pelo fascinante mundo das ilustrações ao entrar para a Maurício de Sousa Produções, que faz a Turma da Mônica em gibis, livros, desenhos animados, além de administrar parques temáticos. Mauro também fez carreira como ilustrador convidado para trabalhos em veículos de comunicação, tem personagens próprios e um preferido na Turma da Mônica: Chico Bento (e seu inconfundível “caipirês”).

Deixe uma resposta