Bauru pode se tornar ‘Município de Interesse Turístico’ pelo Estado

0
1260
Sessão solene em comemoração aos 15 anos do hospital estadual 18 de novembro 2017 Pedro Tobias

O  deputado estadual Pedro Tobias (PSDB) apresentou, na Assembleia Legislativa de São Paulo, o projeto de lei nº 6/2018 solicitando para que Bauru seja classificada como “Município de Interesse Turístico” (MIT). O parlamentar tomou essa iniciativa após ter recebido o Plano Municipal de Turismo das mãos do prefeito de Bauru, Clodoaldo Gazetta, e da secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Renda, Aline Prado Fogolin. “Sinto-me honrado em ser o padrinho de Bauru. Vamos trabalhar juntos para conquistar este importante título para a nossa cidade”, afirmou Pedro Tobias.

Em sua propositura, Pedro Tobias ressalta que Bauru tem grande vocação turística para conquistar o importante título de MIT (o que agiliza vinda de recursos).

“Bauru tem atrativos turísticos em várias áreas como de Negócios; Histórico e Cultural; Esportivo; Ecológico; de Estudos e Intercâmbio e de Saúde”.

Sobre o turismo de negócios, Tobias destaca que Bauru possui quatro distritos industriais, com dezenas de empresas com atividades no mercado externo, além de 7.300 estabelecimentos comerciais no atacado e varejo.

Douglas Reis
Vista aérea de Bauru: infraestrutura adequada para atender visitantes é, na análise do deputado estadual, um dos pontos fortes

Na avaliação de Pedro Tobias, o turismo cultural também é forte em Bauru, com museus, teatros e cinemas. “Há ainda diversos eventos geradores de fluxo turístico, como o Carnaval, a Grand Expo Bauru, a Virada Cultural Paulista, o Viva Bauru e a Feira de Economia Criativa”, salienta o parlamentar em sua propositura que começou a tramitar na Alesp. Tobias também cita o turismo esportivo como atrativo em Bauru para receber visitantes de outras localidades. “Temos Noroeste, Bauru Basket [masculino], Vôlei Bauru [feminino], além do Aeroclube, do kartódromo Toca da Coruja e do Bauru Golf Club, entre outros”.

Como destaques do turismo ecológico bauruense, Pedro Tobias apontou o Parque Zoológico Municipal, que recebe cerca de 300 mil visitantes por ano; o Jardim Botânico; a Estação Experimental; o Parque Vitória Régia e quatro bosques.

O turismo de estudos e intercâmbio também é forte em Bauru, considerado polo regional de ensino superior, com universidades e faculdades que atendem mais de 30 mil alunos, sendo 55% deles de outras cidades.

“Dentre as instituições públicas, temos a Unesp, a USP, a Etec e a Fatec. Bauru também possui nove instituições privadas e 14 polos de ensino à distância ou semipresencial”, ressalta Pedro Tobias.

O experiente médico e deputado também destaca em sua propositura que Bauru é referência regional em saúde, com vários hospitais especializados, como Centrinho/USP, o Instituto Lauro de Souza Lima; o Hospital Estadual; o Hospital de Base; a Maternidade Santa Isabel; o Hospital Beneficência Portuguesa; o Hospital da Unimed; o Hospital São Lucas. “Por conta dessas instituições, Bauru também se enquadra no segmento do turismo de saúde”, salienta Pedro Tobias.

No projeto de lei de sua autoria, Pedro Tobias destaca ainda que Bauru possui mais de 50 estabelecimentos de hospedagem, além de agências de turismo e locadoras de veículos.

Ele também ressaltou o grande patrimônio gastronômico da cidade, o sanduíche Bauru, nome dado à receita criada por Casemiro Pinto Neto, bauruense e aluno de Direito no Largo São Francisco, da USP-SP, em 1937.

Na avaliação de Pedro Tobias, o município de Bauru possui dezenas de pontos turísticos e dispõe de infraestrutura necessária para atender aos visitantes de acordo com a lei estadual nº 1261/2015.

“Nossa querida Bauru possui todos os requisitos legais para obter a classificação de interesse turístico e, posteriormente, passar a receber cerca de R$ 600 mil por ano para investir no turismo local”, afirmou o deputado.

Agora, o projeto de lei de autoria do deputado Pedro Tobias tramitará por cinco sessões ordinárias no plenário da Alesp e, em seguida, toda documentação encaminhada pela prefeitura de Bauru será analisada em ordem cronológica por uma comissão técnica do Dadetur, órgão vinculado à Secretaria de Turismo do Estado.

Pedro Tobias lembrou que, até o momento, 51 cidades já conquistaram o título de “MIT” das 140 vagas existentes no Estado de São Paulo.

Deste total, 7 são da região de Bauru : Agudos; Iacanga, Sabino; Itapuí; Jaú; Lençóis Paulista e Lins.

Fonte: https://www.jcnet.com.br/Politica/2018/02/bauru-pode-se-tornar-municipio-de-interesse-turistico-pelo-estado.html

Deixe uma resposta