Visita à Fazenda Jaguacy

0
1764

No final de abril, a coluna foi convidada para conhecer a Fazenda Jaguacy, localizada no km 355 da rodovia Marechal Rondon, pertinho do distrito de Tibiriçá. São 400 alqueires dedicados à plantação de avocado, um tipo de abacate que surgiu há setenta anos na Califórnia, Estados Unidos, e ganhou o mundo.
A fruta chegou na região há 40 anos pelas mãos do engenheiro agrônomo Paulo Roberto Leite de Carvalho, que toca o negócio junto com a esposa Cristina e os filhos Lígia, Júlia, Tiago e Vitor. Além de abastecer o mercado interno, a produção de 3 mil toneladas/ano também é enviada ao exterior. Espanha, Holanda, Inglaterra, Dinamarca, Croácia e Nova Zelândia recebem quase 90% do que é produzido. A Jaguacy detém 85% do mercado da fruta do país.
A visita aconteceu na safra do avocado, que vai de março a agosto, quando cerca de 600 trabalhadores tocam as diversas áreas da propriedade. Cerca de 70 mil mudas são cultivadas por ano, mas há uma perda de até 40% delas por inúmeras razões. Além da produção própria, a Jaguacy conta com quase 30 parceiros do Estado de São Paulo e do Paraná. Eles recebem assistência técnica da equipe de agrônomos da fazenda. Uma muda demora de 8 a 10 meses para chegar no campo.

Tecnologia no Campo

Os proprietários da Jaguacy utilizam drones para monitorar e controlar as pragas. O processo da colheita – são milhares de pés de avocado – tem a participação de reeducandos em regime de semiaberto – trabalham de dia e voltam para a prisão à noite. Desde 2008 a fazenda contrata esse tipo de mão de obra e até hoje não registrou nenhum tipo de incidente. 100% da colheita é manual.

Além do cultivo dos avocados, a Jaguacy também aposta na produção de óleo extraído da fruta. Em 2017, foram produzidas 200 toneladas de azeite, que também é exportado para o Marrocos, Uruguai e Hong Kong. Como esse produto teve boa aceitação, a empresa resolveu ampliar a área dedicada a esse processo. “Queremos aumentar a produção para 300 toneladas no primeiro ano e em quatro anos chegar a 600 toneladas por ano”, garantiu Júlia Falanghe Carvalho, uma das sócias.
Outra área que passa por ampliação é a de fabricação de polpa de avocado, que também tem um grande mercado consumidor, inclusive com restaurantes. A última etapa da nossa visita foi conhecer o processo de pesagem, seleção e embalagem das frutas. O avocado pesa, em média, de 120g a 150g. No mercado externo, cada unidade custa até 5 euros. O produto é vendido por R$ 4,00 o quilo. Voltei pra casa encantada com a recepção e a estrutura montada por lá.

 

 

 

 

 

 

 

 

NOVIDADES NAS PRATELEIRAS

 

Leite de Coco em Pó e Leite de Coco para Beber Copra. Zero glúten, gordura trans e lactose. Pode ser consumido quente ou gelado com shakes, vitaminas e até receitas culinárias. www.copraalimentos.com.br
Wafer Dadinho Duo (130g). Biscoito com recheio de chocolate e de Dadinho, marca que completou 64 anos. Duas camadas de cada. www.lojadadinho.com.br
Wafer Dadinho Duo (130g). Biscoito com recheio de chocolate e de Dadinho, marca que completou 64 anos. Duas camadas de cada. www.lojadadinho.com.br
inha Coca-Cola Nadir Figueiredo. São 24 itens, entre copo americano, copo com canudo e tampa, moringa, copo tradicional, pratos e potes. À venda nas Lojas Americanas, Carrefour entre outros pontos.
Linha de pães Nutrella Viva. Com farinhas de grãos germinados. Versões Frutificando (pão integral com frutas), Diversificando (pão integral multigrãos) e Integralmente (pão integral). www.nutrella.com.br
Wickbold Do Forno
grãos Ancestrais. Pão integral com cinco tipos de grãos: quinoa (versões branca e vermelha), freekeh, espelta, amaranto e chia. www.wickbold.com.br

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta