Ranking põe Bauru como 45.ª para investir em negócios, diz prefeitura

0
263
Café da Manhã na Estação Ferroviária CDL
Clodoaldo Gazzetta

A Prefeitura de Bauru divulgou, nessa terça-feira (30), um estudo desenvolvido pela consultoria Urban Systems e publicado pela revista Exame, que coloca a cidade na 45.ª posição do ranking dos 100 melhores municípios brasileiros para se investir em negócios. Em 2016, Bauru ocupava o 68.º lugar nesta lista.

“Na pesquisa, as cidades com mais de 100 mil habitantes foram analisadas através de 42 indicadores que mediram a economia, a saúde, a educação, o transporte, as finanças, a infraestrutura, a sociodemografia e a segurança dos municípios. Cada indicador tinha um peso baseado nos graus de desenvolvimento e, somados, alcançavam 37,5 pontos”, afirmou a prefeitura, por meio de sua assessoria de comunicação.

Fazendo parte dos 41 municípios que apresentaram visíveis melhoras no setor econômico, Bauru totalizou 11,46 pontos e ficou na frente de cidades como Sorocaba (11,40), Blumenau (11,26) e Araçatuba (10,79).

“O resultado favorável na pesquisa é reflexo das ações públicas desenvolvidas pela Prefeitura Municipal, em parceria com as secretarias e com as instituições públicas e privadas”, complementa o município.

MAIS EMPREGOS

Um dos dados que vão ao encontro da melhora no ranking é a crescente no número de empregos. Conforme manchete divulgada pelo JC na semana passada, dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostraram que as empresas de Bauru geraram um volume de empregos com carteira assinada quase nove vezes maior do que o ano passado.

De janeiro a setembro deste ano, foram 4.672 novos postos de trabalho formais abertos na cidade. No mesmo período do ano passado, haviam sido criadas 491 vagas – o equivalente a cerca de 10% do total registrado em 2018.

Ainda com base no Caged, a prefeitura também afirma que Bauru é a terceira cidade do Interior Paulista que mais gerou empregos entre janeiro e setembro de 2018. Com um saldo de 4.672 novos trabalhos, a cidade só fica atrás de Ribeirão Preto, que produziu 5.399 serviços; e Campinas, que ofertou 5.258 novas vagas de trabalho. Todas ficam atrás de São Paulo, que empregou 61.445 pessoas.

“A Prefeitura de Bauru, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Renda, tem influência direta sobre os dados, tendo em vista que é responsável pela redução do número de desempregados e pela abertura de novos negócios através de programas como o Emprega Bauru e a Casa do Empreendedor”, complementa a prefeitura.

“Bauru vive um momento de retomada do crescimento. Prova disso é que as ofertas de emprego e as oportunidades de capacitação e geração de renda não param de crescer. Temos uma equipe focada em ampliar cada vez mais esse resultado positivo e ações que dão suporte para essa retomada do desenvolvimento”, enfatiza o prefeito Clodoaldo Gazzetta.

REGIÃO CENTRAL

E uma das ações que visam o desenvolvimento ocorreu, ontem, na Estação Ferroviária. Por iniciativa da Sedecon, em conjunto com a Comissão Municipal de Estudos para Revitalização da Área Central, foi apresentado o projeto “Porta Adentro”, que é voltado para a melhoria da gestão do comércio central como forma de atratividade.

O evento contou com o apoio das entidades representantes do comércio e foi destinado aos comerciantes e varejistas do Centro.

Durante a abertura, a secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Renda , Aline Fogolin, apresentou as ações que estão sendo desenvolvidas pelos grupos de trabalho da comissão, como, por exemplo, o levantamento de imóveis subutilizados, a proposta de mecanismos de incentivo à preservação do patrimônio e a proposição de iluminação e infraestrutura adequadas.

A palestra também apresentou o curso “Semana do Comércio: planeje melhor para vender “, um dos projetos originados pelo “Porta Adentro” e que é destinado ao desenvolvimento do comércio local através dos interesses econômicos dos empreendedores.

‘SEMANA DO COMÉRCIO’

A “Semana do Comércio” tem como objetivo oferecer soluções aos comerciantes que desejam alcançar um crescimento considerável nas vendas do final do ano. Através de cinco encontros, com 4 horas de duração cada, serão apresentados aos participantes ferramentas de apoio que intensificarão as vendas nas datas comemorativas.

Além de instruir os comerciantes acerca do planejamento das vendas, o projeto tem como finalidade aumentar a satisfação do cliente, facilitar o dia a dia do negócio, preparar a equipe para alcançar as metas, entre outros.

Mais informações sobre o curso “Semana do Comércio: planeje melhor para vender ” é só ligar para o Sebrae, através do telefone (14) 3104-1710, ou para a Sedecon, por meio do (14) 3227-7819.

Fonte: https://www.jcnet.com.br/Geral/2018/10/ranking-poe-bauru-como-45a-para-investir-em-negocios-diz-prefeitura.html

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here