Prédio para população de rua é inaugurado

0
568

A Prefeitura Municipal de Bauru, através da Secretaria do Bem-Estar Social (Sebes), inaugurou nessa quinta-feira (8) a nova sede do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua – Centro Pop, na avenida Nuno de Assis, 10-77.

A cerimônia contou com a presença do titular da Sebes, José Carlos Fernandes; da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Lázara Gazzetta; da chefe de Gabinete, Majô Jandreice; dos secretários municipais de Cultura, Luiz Fonseca; e de Saúde, José Eduardo Fogolin; da vereadora Chiara Ranieri; da presidente da Drads, Maria Perroni; do presidente do Conselho Municipal da Assistência Social, Edemilson Pinotti; e de diretores e servidores da Sebes e Defesa Civil.

Para o titular da Sebes, a nova sede vem responder aos anseios dos profissionais e dos usuários por um local mais adequado que acolhesse bem os usuários que estão em condição de vulnerabilidade e risco.

Conforme o JC noticiou, a precariedade do antigo prédio – na quadra 3 da avenida Alfredo Maia, na Vila Falcão – foi denunciada ao Ministério Público Estadual (MPE), no ano passado. O promotor Fernando Masseli Helene moveu Ação Civil Pública contra a prefeitura para que providências fossem tomadas, pois o imóvel não tinha condições de higiene, estava com paredes sujas, fiação e encanamentos expostos, pouca ventilação e iluminação, e armazenamento precário dos alimentos.

AÇÕES

O Centro Pop tem como foco principal a superação das situações de risco e a saída das ruas, visando o fortalecimento familiar e comunitário, bem como a autonomia e empoderamento do usuário enquanto cidadão de direitos.

No local, a população de rua passa por diversos atendimentos, entre eles, diagnóstico socioeconômico, encaminhamentos para a rede de serviços local, orientação sociofamiliar e jurídico-social, atendimento psicossocial, acesso à documentação pessoal, mobilização para o exercício da cidadania, estímulo ao convívio familiar, grupal e social, encaminhamento para mercado de trabalho, entre outros.

O serviço pode ser acessado de forma espontânea pela pessoa em situação de rua a qualquer momento por encaminhamento do Serviço Especializado em Abordagem Social, por outros serviços da assistência social ou de outras políticas públicas e por órgãos do Sistema Judiciário.

O Centro Pop foi implantado em 2011 e registra, até o momento, 4 mil prontuários, sendo que 87 estão tendo acompanhamento sistemático. Vale ressaltar que esta população é flutuante e em sua maioria oriundos de outros municípios.

Fonte: https://www.jcnet.com.br/Geral/2018/03/predio-para-populacao-de-rua-e-inaugurado.html

Deixe uma resposta