No 9º ano do Movimento Setembro Amarelo, CVV convida a “acolher para cuidar”

0
322

Movimento tem como objetivo a conscientização sobre o tema “suicídio e sua
prevenção” e entidade enxerga mudança importante nesses anos.
Cuidar de si próprio e das pessoas ao nosso redor sempre foi uma eficiente maneira de
evitar desconfortos emocionais e amenizar os efeitos de alguns transtornos mentais.
Com essa visão, o CVV definiu como tema deste ano do Movimento Setembro Amarelo
“Acolher é cuidar”.
“Cuidar dos outros é oferecer aquele olhar acolhedor de compreender sem julgar e se
colocar à disposição para uma conversa amiga”, comenta Carlos Correia, voluntário do
CVV.
Setembro Amarelo é o mês de prevenção do suicídio desde 2015, tendo o CVV como
um dos seus principais mobilizadores. “O Movimento não é do CVV, apesar de sermos
uma das primeiras organizações do país a fazer essa mobilização e, antes mesmo
desse movimento, somos uma das primeiras entidades a tentar trazer luz ao debate
sobre prevenção do suicídio no Brasil”, complementa Carlos.
Neste ano, o CVV vai priorizar as iniciativas direcionadas à conscientização da
importância de se ouvir de forma acolhedora, ou seja, acolher para cuidar. Isso se dará
por meio de palestras, rodas de conversa, participação em debates e entrevistas.
Segundo Carlos, neste nono ano de Setembro Amarelo, o CVV percebe que a
sociedade está bem mais aberta ao assunto “suicídio e sua prevenção”, com quedas de
alguns tabus e preconceitos. “Sociedade civil, setor de saúde, poder público, pessoas
físicas e jurídicas estão mais conscientes quanto ao problema e como apoiar na redução
dos índices de suicídio que, segundo dados oficiais, mata um brasileiro a cada 45
minutos”, afirma. Essa mudança não deve ser creditada exclusivamente ao Movimento,
mas o Setembro Amarelo ocupa um lugar importante nesta transição na opinião da
entidade.
O CVV oferece apoio emocional sigiloso e gratuito 24 horas por dia e 7 dias por semana,
inclusive aos feriados e finais de semana. O meio mais utilizado é o telefone sem custo
de ligação e disponível em todo território nacional, 188, mas há também opções de
atendimento por chat e e-mail pelo site www.cvv.org.br
Saiba mais sobre o Setembro Amarelo em www.setembroamarelo.org.br e nas mídias
sociais Instagram, Facebook e Twitter, sempre buscando como @setembroamarelo.
VEJA AS ATIVIDADES QUE SERÃO PROMOVIDAS PELO CVV EM SUA REGIÃO
Sobre o CVV
O CVV presta serviço voluntário e gratuito de prevenção do suicídio e apoio emocional
para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo. Os mais de
3,4 milhões de atendimentos de 2022 foram realizados por cerca de 3.500 voluntários
em cerca de 100 postos de atendimento pelo telefone 188 (sem custo de ligação), ou
pelo site www.cvv.org.br, via chat e e-mail apoioemocional@cvv.org.br, além de carta.
O CVV é uma entidade financeira e administrativamente independente, mantendo-se
por meio de doações de pessoas físicas e jurídicas – para colaborar, acesse
https://www.cvv.org.br/colabore.
Sobre o suicídio
O suicídio é um problema de saúde pública que mata pelo menos um brasileiro a cada
45 minutos, mais do que o HIV e muitos tipos de câncer. O movimento Setembro
Amarelo, iniciativa brasileira para ampliar o impacto do dia 10 de setembro, Dia Mundial
de Prevenção do Suicídio, foi iniciado em 2015 para sensibilizar e conscientizar a
população sobre a questão. Para saber mais, acesse www.setembroamarelo.org.br
* Dados do Ministério da Saúde
Informações para a imprensa
LVBA Comunicação
Izabelle Mendonça – +55 (83) 8640-6016 – cvv@lvba.com.br

Deixe uma resposta