Juan Guaidó alega ter o apoio dos militares e ameaça depor Maduro

0
656

São Paulo – A crise na Venezuela ganhou um novo capítulo na manhã desta terça-feira (30). Juan Guaidó, presidente da Assembleia Nacional e autoprocalamado presidente interino da Venezuela, afirmou que um grupo de militares estaria ao seu lado, apoiando a deposição de depor Nicolás Maduro da presidência do país.

“Hoje, os soldados valentes, os patriotas, os valentes homens apegados à nossa constituição atenderam ao nosso chamado […] O primeiro de maio começa hoje. Hoje acaba a usurpação”, diz Guaidó em um vídeo gravado ao lado de militares venezuelanos.

Fonte: https://exame.abril.com.br/mundo/guaido-diz-que-recebeu-apoio-de-militares-e-ameaca-depor-maduro/

Deixe uma resposta