Fiscalização, prevenção e combate à doenças – conheça o trabalho do Centro de Controle de Zoonoses

0
119

Bauru, 05 de março de 2021

Alocada na Divisão de Vigilância Ambiental do Departamento de Saúde Coletiva da Secretaria Municipal de Saúde do município está o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), seção mais conhecida pelo resgate de pets em situação de sofrimento e maus-tratos. Porém, o principal serviço da seção é o recolhimento e o direcionamento do estudo de animais passíveis de transmitir doenças, as chamadas zoonoses.

As zoonoses são as doenças transmitidas entre animais e pessoas e que podem ser causadas por diversas bactérias, parasitas, fungos e vírus. Cachorros, gatos, carrapatos, macacos, ratos e morcegos são alguns exemplos de possíveis hospedeiros dos causadores dessas doenças. As zoonoses são consideradas situação de saúde pública e, por isso, existem programas estaduais, regionais e municipais de prevenção e combate a essas doenças.

Raiva, febre amarela, leishmaniose, leptospirose e toxoplasmose são zoonoses que podem ser fatais e, portanto, para combatê-las, é necessário esforços tanto da vigilância quanto da comunidade (veja nos folhetos como combater diferentes zoonoses). No caso de algumas doenças, a higienização do ambiente e pessoal são as formas mais adequadas de prevenção. Além disso, é importante manter as vacinas dos pets em dia.

Para outras doenças, é importante manter casas dedetizadas e terrenos limpos, evitando a proliferação dos chamados animais sinantrópicos (aqueles que se adaptaram a viver junto ao homem, contra a vontade deste, diferindo dos animais domésticos), pois eles necessitam dos 3 As (água, alimento e abrigo) para sobrevivência. Alguns exemplos de animais sinantrópicos são aranhas, baratas, carrapatos, escorpiões, formigas, morcegos, mosquitos e ratos.

Como a água não é um fator limitante no nosso meio, ela recebe uma atenção especial, e dentro da Divisão de Vigilância Ambiental quem cuida disso é a Seção de Ações do Meio Ambiente (SAMA), que fiscaliza a qualidade da água servida a comunidade e cuida de áreas contaminadas. No que se trata da prevenção e combate a Dengue, as duas seções trabalham juntas fiscalizando residências e orientando a comunidade.

Todo animal recolhido pelo CCZ é testado e seu estudo direcionado para laboratórios especializados. Já os pets resgatados, são cuidados e tratados na própria sede e disponibilizados para adoção. A sede do CCZ conta com um ambulatório, sala de cirurgia para castração dos pets recolhidos, canil, gatil e viaturas para resgate de animais.

Os serviços do Centro de Controle de Zoonoses podem ser contatados pelo telefone (014) 3103 8050 e a sede se encontra na Rua Henrique Hunzicker, quadra 01 s/nº, Jardim Bom Samaritano.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO
PREFEITURA DE BAURU

Deixe uma resposta