Carnaval movimentou economia de Bauru e gerou empregos, diz prefeitura

0
664

O Carnaval de Bauru realizado no Sambódromo, nos dias 2 e 4 de março, que contou com cinco escolas de samba e reuniu mais de 30 mil pessoas, e impulsionou a economia local, o turismo e a geração de renda, comunicou a prefeitura, nesta terça-feira (12).

A Divisão de Planejamento Turístico, Eventos e Turismo Receptivo da Sedecon aplicou a Pesquisa da Demanda Turística especificamente aos turistas que vieram para assistir aos desfiles e entrevistaram mais de 300 pessoas que compareceram nos dois dias de comemoração.

Destes, 61% gastaram até R$ 500 (quinhentos reais) no município, 15% até R$ 800 (oitocentos reais), e 15% até R$ 1.200 (mil e duzentos reais). Além disso, 8% dos foliões desembolsaram até R$1.800 (mil e oitocentos reais) e 1% até R$ 3.000 (três mil reais) durante as celebrações no município.

A assessoria de imprensa da prefeitura destaca que os turistas vieram de várias regiões do país, como Vitória, Campo Grande, Cuiabá, São Paulo, Londrina, e outras 30 cidades localizadas no Estado de São Paulo.

Dos foliões que optaram por Bauru como destino das comemorações, 70% pernoitaram em Bauru, sendo que 2% ficaram na rede hoteleira e 68% em casas de parentes.

Os dados do município não levaram em conta os bailes realizados nos clubes da cidade e blocos de rua.

Geração de empregos durante o Carnaval bauruense 

Ainda de acordo com a prefeitura, em texto distribuído à imprensa, todo ano as escolas de samba geram aproximadamente 800 empregos temporários diretos, distribuídos entre costureiras, artesãos, serralheiros, carpinteiros, pintores e eletricistas.

Além dos profissionais contratados diretamente pelas escolas de samba, a Prefeitura garante a manutenção de empregos indiretos, onde lojas especializadas aumentam a venda de tecidos, adereços e decorações relacionadas ao carnaval.

“Outras empresas que aumentam suas receitas são as fornecedoras de bebidas, supermercados, postos de gasolina, meios de hospedagens e restaurantes, que passam a ter a oportunidade de oxigenar a economia e manter um ciclo produtivo no desenvolvimento econômico da cidade”, comenta Aline Fogolin, secretária do Desenvolvimento Econômico, Turismo e Renda (Sedecon), por meio de nota enviada à imprensa.

Fonte: https://m.jcnet.com.br/Geral/2019/03/carnaval-movimentou-economia-de-bauru-e-gerou-empregos-diz-prefeitura.html?utm_source=Whatsapp&utm_medium=referral&utm_campaign=Share-Whatsapp

Deixe uma resposta